Raffaella_Carrà, anos 60

Raffaella Carrà (1943-2021)

Homenagem à grande cantora, dançarina, coreógrafa, atriz e apresentadora, ícone da POP e da TV. Foi e será sempre um Símbolo de Liberdade, quer seja sexual, filosófica ou artística. Carrà em entrevista à revista Rolling Stones Italia : “Cantei com a minha cabeça, com o meu cabelo, com a liberdade do meu corpo. Havia alguma libertação sexual feminista nas minhas canções e naqueles arcos provocativos … Continue a ler Raffaella Carrà (1943-2021)

Salvador Sobral e Júlio Resende

Mano a Mano

Canção “Mano a Mano”, cantada por Salvador Sobral e António Zambujo. Letra de Maria do Rosário Pedreira e música de Júlio Resende. Júlio Resende no piano, André Rosinha no contrabaixo e Bruno Pedroso na bateria Mano a Mano Vim chorar a minha pena No teu ombro e afinal A mesma dor te condena Choras tu do mesmo mal Irmãos gémeos num tormento Filhos da mesma … Continue a ler Mano a Mano

José Mário Branco

José Mário Branco

Em Junho, celebra-se o solstício de Verão, as festas da fertilidade, dos Santos, António, João e Pedro, com as marchas e as folias, as fogueiras e as sardinhas. Aqui vai uma canção em tom de marcha popular, (o mesmo titulo do meu blogue), nomeando algumas freguesias e zonas de Lisboa (a negrito), no tom provocador e irónico, de José Mário Branco, saudoso e meu muito … Continue a ler José Mário Branco

A young Atahualpa Yupanqui pictured for Sintonía magazine of Argentina.

Atahualpa Yupanki

“Sua obra não tem limite geracional nem de género. É uma arte pura que nos representa, nos dignifica e nos mostra um caminho” Citação da edição de maio da revista Rolling Stone argentina, de Nebbia. Nunca mais me esqueci deste nome, Atahualpa Yupanki, não é fácil de fixar, mas como poderia olvidar, esta voz, a sua interpretação poética, doce, intensa, numa língua lindíssima, o argentino, … Continue a ler Atahualpa Yupanki

Foto de António Gedeão

A Alquimia do Sonho

Canção de Manuel Freire sobre o poema “Pedra Filosofal”, publicado no livro Movimento Perpétuo, em 1956, do pedagogo, investigador de história da ciência, professor de físico-químicas e poeta, António Gedeão (Rómulo Vasco da Gama de Carvalho 1906 – 1997) Pedra Filosofal Eles não sabem que o sonho é uma constante da vida tão concreta e definida como outra coisa qualquer, como esta pedra cinzenta em que me sento … Continue a ler A Alquimia do Sonho

Domenico Modugno, 1958

Uma canção uma história

Impossível resistir à emoção romântica desta canção fabulosa de Domenico Modugno, actor, compositor, politico, produtor e cineasta. Esta canção, mais conhecida como Volare, venceu o festival da Canção em 1958, e tornou-se rapidamente num sucesso mundial, tendo ganho 2 Prémios Emmy nos EUA. Há um filme imperdível sobre a historia desta canção, no filme Mr “Volare” – La Grande Storia di Domenico Modugno, de Riccardo Milani, produção da RAI Fictio em 2013. Continue a ler Uma canção uma história

Vinicius de Moraes e Toquinho, 1973

Um poema, uma viagem, um exilado politico

Aos 15 anos ofereceram-me uma viagem ao Brasil e à Argentina. Tinha familiares na Argentina e um amigo do meu pai no Brasil. A minha mãe e os pais (antes da minha existência), haviam emigrado para a Argentina, onde já se encontrava o seu avô, com uma vida confortável, mas foram obrigados a regressar anos depois, por doença de seu pai. O irmão de minha … Continue a ler Um poema, uma viagem, um exilado politico